SWAT Team faz raid a gamer quando estava a ser visto por 60.000 pessoas

  • ATENÇÃO - não estás seguro na net!
    Detectámos que estás a usar o IP 54.80.209.254 e que estás em Ashburn (ou perto) no país United States. Se nós conseguimos saber isto, os outros sites por onde andas também conseguem.

    Compra aqui a tua VPN profissional e navega seguro na Internet!

  • Um raid por uma equipa SWAT a um ex-veterano está a deixar em alvoroço a Internet. Este tipo de “partidas” chamam-se “swatting” e já deixaram muitas pessoas em pânico.

    Através do Twitch, o gamer estava a jogar Runescape quando a polícia lhe entrou pela casa adentro. O livestream que ele estava a fazer na altura tinha cerca de 60.000 pessoas a ver.

    Tudo isto foi devido a alguém ter feito uma chamada anónima, conhecida como “prank call”, para que vários polícias fossem à casa dele.

    O veterano da Força Aérea, Joshua Peters, estava com os seus fones quando ouviu a mãe gritar por ele. De seguida, ele contou ao público que a polícia tinha apontado uma arma à cabeça do irmão mais novo e à sua mãe.

    O vídeo, onde ele chora e diz para que deixem a família dele em paz, está a tornar-se viral no YouTube.


     

     

    Swatting também na Europa

    O Hackers Portugal já tinha dado conta do primeiro “swatting” na Europa que vitimou um jovem gamer. Esta foi a primeira vez que tal aconteceu na Europa uma vez que este “evento” está normalmente associado aos Estados Unidos.

    Partilhe no Facebook
    Loading...