Sabias que deves criar um e-mail encriptado (e gratuito) para ti? Descobre aqui o motivo!

  • ATENÇÃO – não estás seguro na net!
    Detectámos que estás a usar o IP 54.167.225.62 e que estás em Ashburn (ou perto) no país United States. Se nós conseguimos saber isto, os outros sites por onde andas também conseguem.

    Compra aqui a tua VPN profissional e navega seguro na Internet!

  • Desde que as revelações de Edward Snowden viram a luz do dia que as pessoas preocupam-se mais com a sua privacidade. É por isso que as soluções de e-mails encriptados surgiram (mas já existiam) para assegurar a privacidade dos cidadãos.

    Atenção, isto não é nada novo. Já existia há décadas – literalmente – a possibilidade de enviar e-mails encriptados através de PGP (Pretty Good Privacy) em clientes de e-mail. O problema é que para um utilizador “normal” estes métodos eram difíceis de configurar. A solução para isso foi que uma interface web fizesse essa configuração de forma automática – mas segura – para podermos usar sem grandes dificuldades.

    Mas antes de te darmos os motivos para isso, deixamos-te uma pergunta: Sabias que o Gmail tem acesso ao conteúdos dos teus e-mails? Sim, em 2014 a empresa alterou os seus termos de utilização para permitir que os anúncios sejam relacionados com os e-mails que estão a ser lidos. E isso só é possível se os próprios e-mails forem “lidos”, mesmo que seja por uma máquina.

    É por isso que o e-mail encriptado deve ser usado. Aqui ficam cinco grandes motivos:

    Mais privacidade. Ninguém acede ao teu e-mail, ponto. As duas soluções de encriptação de e-mail que te vamos mostrar são de código aberto e podem ser auditadas, sendo por isso totalmente transparentes com aquilo que fazem (ou neste caso, não fazem) com o teu e-mail.
    – É grátis. Os serviços podem opcionalmente ser pagos, mas o serviço base é sempre gratuito. Portanto não pagas mais para ter um serviço melhor.
    – Encriptado e seguro, tal como no teu banco. As soluções que te vamos apresentar encontram-se a utilizar os últimos standarts tecnológicos e permitem-te ter uma segurança como aquela que o teu banco tem devia ter. Ou seja, segurança máxima.
    – E-mail sem publicidade. As soluções que te apresentamos não têm qualquer publicidade. O dinheiro para sustentar o serviço é obtido através de campanhas de angariação de fundos e pelas pessoas que pagam os serviços premiun.
    – Sem conhecimento. Estes serviços funcionam com “zero knowlage”, ou seja, a empresa não tem, através de troca de chaves privadas associadas à tua password, conhecimento do conteúdo dos e-mails que lá tens. Por isso, também não podem “dar” quaisquer dados se forem solicitados pela polícia ou outras entidades.

     

    Se estás convencido, aqui ficam as nossas sugestões.

     

    ProtonMail

    O ProtonMail está sediado na Suíça, que é como quem diz, está situado num dos países mais livres em termos de internet no mundo inteiro. A infraestrutura é encriptada de uma ponta à outra (end-to-end), não existem logs de IPs (a menos que os actives propositadamente), a caixa de correio tem um design apelativo e tens aplicações para Android e iOS.  Podes encriptar mensagens com uma password, fazer com que a mensagem se “apague” em X dias e muito mais!

    O serviço grátis oferece-te 500MB de caixa de correio e podes enviar até 150 mensagens por dia.

     

    Tutanota

    O Tutanota tem também aplicações para iOS e Android. Os servidores estão localizados na Alemanha e a maior vantagem em relação ao ProtonMail será o facto de estar em Português (e outros idiomas). O Tutanota tem ainda as funções de encriptar mensagens e fazer com que elas se apaguem tal como o ProtonMail.

    O serviço tem 1GB de espaço de caixa de correio encriptada.

     

    Estes são os dois maiores “competidores” quando se fala de e-mail encriptado. Mas, existem outros. Consulta esta lista para outras alternativas.

    Partilhe no Facebook
    Loading...