Mil milhões de e-mails têm as suas passwords divulgadas na net – vê aqui se o teu é um deles!

Loading...

Hoje em dia, a informação é poder na Internet.

É por nisso que nos últimos dias têm sido comprometidas várias contas de e-mails e serviços como o Facebook.

Não é clara a proveniência da lista, mas é provável que seja um conjunto de hacktivismo levado a cabo em vários websites.

A primeira lista de 457,962,538  e-mails foi divulgada e tem o nome de Anti Public Combo List. Já a segunda lista tem 593,427,119  e-mails e o nome de “Exploit.In”.

De acordo com o investigador de segurança Troy Hunt, estas listas têm a seguinte descrição:

– A primeira lista foi divulgada em Dezembro de 2016 e contém cerca de 458 milhões de e-mails e foi “nomeada” como Anti Public. A lista continha várias passwords para cada e-mail provavelmente obtidos de vários sistemas. A lista foi usada para roubo de credenciais em várias contas onde a password usada era a mesma da indicada na lista.

– A segunda lista foi divulgada em 2016, sem mês concreto. Contém 593 milhões de e-mails e alguns com várias passwords provavelmente obtidos de vários sistemas. A lista foi usada para roubo de credenciais em várias contas onde a password usada era a mesma da indicada na lista.

 

Relacionado: Como manteres segura a tua conta Google (incluindo o teu Gmail)

 

[ads]

Como posso saber se estou afectado?

Para veres se foste afectado podes usar um destes sites:

  • Have I Been Pwned – neste site podes consultar uma grande lista de ataques que motivaram exposição de dados informáticos. Foi neste site que o bilião de e-mails foi noticiado.
  • Hacked-DB – este serviço é igual ao anterior e também mostra as mesmas informações. Mas por segurança faz a pesquisa nos dois sites.

Se encontrares algum dos teus e-mails vulneráveis deves fazer o seguinte:

  • Alterar a tua password em todos os sites que usem a mesma password
  • Activar o segundo fator de autenticação no maior número de sites possíveis (incluindo Gmail, Facebook, etc.). Vê aqui instruções para cada um dos sites e clica em “Docs” para aceder às referidas instruções.

 

Por último, partilha esta informação com os teus amigos que possam também estar afectados.

Partilhe no Facebook
Loading...