Hacker rouba 11 mil dólares a banco e faz a doação desse valor a uma campanha anti ISIS

Será este um bom hacker ou um mau hacker?
Parece-nos um hacker ao estilo Robin dos Bosques!

O hacker que entrou nos servidores da Hacking Team – uma empresa italiana, famosa por ajudar Governos a desenvolver spywares para espiar os cidadãos – e que divulgou, entre outras coisas, que a Polícia Judiciária em Portugal queria fazer o mesmo e adquirir malware, é agora responsável por doar 11 mil dólares a um grupo que luta contra o ISIS.

Phineas Fisher, também conhecido como “Hack Back”, fez a doação de 25 bitcoins – cerca de 11 mil dólares – para a campanha Rojan Plan, uma campanha para ajudar os territórios da Síria a ser o que eram antes e ao mesmo tempo afastar a influência do ISIS.

Os fundos para a campanha vieram de um ataque informático a um banco, embora o hacker não tenha indicado qual foi e como foi feito.

 

Incentiva outras pessoas

O hacker tem um perfil público no Reddit, à vista de todos e sem medo, onde incentiva outras pessoas a fazerem o mesmo e apoiar a campanha que ele ajudou a financiar.

Entre as “ideias” que dá aos outros hackers ou às pessoas ditas “normais” que o estão a ler, é o de desviar dinheiro de caixas multibanco.

 

Gostaste da atitude? Então partilha o artigo!

Compra aqui a tua VPN
Partilhe no Facebook

Floating Widgets