Hacker divulga dados de 9000 funcionários do departamento de Homeland Security dos USA

Um hacker, ligado ao movimento #FreePalestine, divulgou há algumas horas cerca de 9000 dados pessoais de funcionários do departamento de Honeland Security dos Estados Unidos.

Feito pelo Twitter, o hacker tem na sua conta gozado com várias instituições e com o Governo dos USA.

O hacker informou ainda que teve acesso a vários discos com vários TB de dados relacionados com actividades do Governo Norte-Americano, como demonstra por esta imagem:

Depois desta divulgação, várias foram as mensagem publicada na rede social Twitter pela sua conta que demonstram uma forte ligação com a engenharia social, um método de hacking que consiste em saber informações das vítimas para as usar em recuperação de password ou obtenção de dados.

Relacionado: Curso GRÁTIS de engenharia social

 

Hacker tem também dados do FBI

Foram também obtidos vários dados do FBI, e desta vez, a engenharia social esteve também no modus operandi do ataque.

De acordo com o IBTimes, o hacker comprometeu um e-mail do DoS (Department of Justice) e tentou entrar no portal do DoJ sem sucesso. Descontente, ligou ao suporte e disse que era “um funcionário novo e que não sabia entrar no Portal”. Do outro lado, perguntaram-lhe se “tinha um token de autenticação” e quando ele disse que não… eles disseram-lhe “ok, então use o nosso“.

A confirmar esta situação, torna-se muito embaraçoso para o Governo dos USA.

 

#ruicruz

Compra aqui a tua VPN
Partilhe no Facebook

Floating Widgets