Falha de segurança no SWIFT coloca em risco transferências bancárias

Uma falha recente fez com que a organização do SWIFT – Society for the Worldwide Interbank Financial Telecommunication – avisasse cerca de 11 mil instituições para actualizarem o seu software.

O código SWIFT é um código que permite fazer transferências bancárias internacionais. Fuindado em Bruxelas no ano de 1973, a Sociedade foi criada para criar uma forma comum de todos os bancos “falarem a mesma língua” criando ferramentas iguais em todo o mundo.

Agora, a sociedade por trás do SWITF identificou uma falha de segurança relacionada como “cyber ataques recentes”.
Isto aconteceu depois da polícia de Bangladesh ter investigado o desaparecimento de 81 milhões de dólares da conta do Banco Central de Bangladesh na Reserva Federal de Nova Iorque.

O Swift confirmou a vulnerabilidade, que consiste em alterar software que faz a transição de fundos para esconder as evidências de transferências duvidosas.

“A Swift reconhece um número recente de cyber ataques duvidosos onde atacantes externos ou internos”, disse a Sociedade em comunicado aos bancos.

 

o Telegraph fez uma investigação à situação, tendo apurado que o problema já foi alegadamente corrigido. Mas se não se sabe como ocorreu, não há a possibilidade de voltar a ocorrer? Fica a dúvida.

Compra aqui a tua VPN
Partilhe no Facebook

Floating Widgets