És suficientemente inteligente para trabalhares no Google?

  • ATENÇÃO - não estás seguro na net!
    Detectámos que estás a usar o IP 54.80.146.251 e que estás em Ashburn (ou perto) no país United States. Se nós conseguimos saber isto, os outros sites por onde andas também conseguem.

    Compra aqui a tua VPN profissional e navega seguro na Internet!

  • Quem nunca quis trabalhar no Google?

    Tudo começou numa garagem, mas agora é muito mais do que isso. A Gigante da Internet, que movimenta milhões por dia, poderá até ter o interesse de muitas pessoas, mas só algumas têm essa sorte.

    Sabemos que o factor “cunha” não vale nada, e que Paulo Barreto, para trabalhar no Google, passou por 12 entrevistas.

    O problema é… o que perguntam nessas entrevistas?

    A resposta vem num livro, editado em 2011, com o nome Are You Smart Enough to Work at Google?”, de William Poundstone.

    Deixamos aqui algumas perguntas (e as respostas) que terás que saber para trabalhar com a gigante da Internet:

     

    1. Qual é o próximo número na sequência: 10, 9, 60, 90, 70, 66 … ?

    Escreve os números em inglês, por extenso: Ten, Nine, Sixty, Ninety, Seventy, Sixty-six. Os números estão ordenados por ordem crescente tendo em conta o número de letras da palavra. Assim, uma resposta correta seria, por exemplo, 96 (ninety-six).

    2. Estás dentro de um carro com um balão de hélio preso ao chão com uma corda. As janelas estão fechadas. Quando acelera, o que acontece ao balão – move-se para a frente, move-se para trás ou fica no mesmo sítio?

    A quase universal intuição de que o balão se inclinaria para trás está errada. O balão é uma bolha de menor densidade (porque está cheio com hélio) contida num espaço (o carro) com maior densidade (o ar). A gravidade irá puxar o ar mais pesado para baixo, empurrando o balão para o teto. Quando o carro acelera, o ar mais pesado é empurrado para trás, tal como o corpo humano. Esta ação envia o balão, mais leve que o ar, para a frente. Assim, o balão tomará a direção da aceleração.

     

    3. Usando apenas uma ampulheta de quatro minutos e outra de sete minutos, meça exatamente nove minutos – sem que todo o processo demore mais de nove minutos.

    Inicia ambas as ampulhetas no zero ao mesmo tempo. Vira a primeira ampulheta quando atingir os quatro minutos para reiniciar a sua contagem. Faz o mesmo com a segunda ampulheta, quando esta atingir os sete minutos. Quando a ampulheta de quatro minutos chegar ao fim pela segunda vez (ou seja, oito minutos), a ampulheta dos sete minutos terá contado um minuto (na sua segunda “volta”). Nessa altura, volta a virar a ampulheta dos sete minutos, que contará o minuto em falta e atingirá os nove minutos.

     

    4. Um livro tem X páginas, numeradas da forma habitual, de 1 a X. O número total de dígitos nos números de página é 1095. Quantas páginas tem o livro?

    Todas as páginas têm um dígito na coluna das unidades. Com X páginas, haverão X dígitos das unidades. Com excepção das primeiras nove, todas as páginas têm um dígito na coluna das dezenas: X – 9 dígitos. Com excepção das primeiras 99, todas as páginas têm um dígito na coluna das centenas: X – 99. Assim, 1095 = N + (N-9) + (N – 99). A equação pode ser simplificada em 1095 = 3X – 108. O resultado é 401, ou seja, o livro tem 401 páginas.

     

    5. Um homem empurra o seu carro até um hotel e perde a sua fortuna. O que aconteceu?

    Estava a jogar ao monopólio.

     

    Interessado? Então tenta aqui a tua sorte!

    Partilhe no Facebook
    Loading...