Apple monitoriza com quem falas e partilha esses dados com a polícia

Alguma vez pensaste que a Apple pudesse estar a espiar os compradores dos caros iPhones e “iCoisas”? Parece irreal, mas é verdade.

Eles não querem provavelmente que isto se saiba, mas um documento recente obtido pelo The Intercept mostra que a Apple não só sabe com quem falas no iMessage mas partilha, a pedido, esses dados com as autoridades judiciárias de todo o mundo.

Embora as mensagens no iMessage sejam encriptadas, não basta isso para que elas sejam seguras.  É que cada vez que escreves um número de telefone no iMessage ou outras aplicações da Apple, ele contacta os servidores da Apple para saber como deve ser enviada a mensagem pelo serviço de SMS normal ou pelo iMessage.

Mas o problema não é apenas este. Além de “logar” esta informação, a Apple guarda ainda a data, hora e o IP do qual este pedido foi feito, criando assim um “rasto” que permite identificar fontes jornalísticas, dados concretos de pessoas e locais (através do IP) onde as mensagens foram trocadas, entre outras coisas.

 

Relacionado: Usas e-mail da Apple ou iCloud? Cuidado, a empresa consegue ler todos os teus e-mails.

 

Parte do documento pode ser consultada abaixo:

screen-shot-2016-09-22-at-1-30-38-pm

O resumo deste documento é simples: a Apple mantém um log durante 30 dias, que pode ser estendido por períodos de 30 dias, de qualquer número que insiras no iMessage e possivelmente em todo o iOS (contactos, entre outras apps) mesmo que não tenhas comunicado com esse número. Ao The Intercept, a Apple confirmou que efectua os logs destas informações.

Como me posso proteger?

Em teoria, usar o Signal que não é feito pela Apple, poderá ser uma das soluções. Outra solução, mais drástica, será separares os números um por um para que não exista um “lookup” ao servidor da Apple que loga estas informações.

No entanto, não há um método concreto de protecção que tenha sido testado e verificado. Estes são métodos teóricos e desconfortáveis para o uso diário.

Tendo em conta que os iPhones têm um prazo de vida de três anos, pensa nisto da próxima vez que comprares um.

Compra aqui a tua VPN
Partilhe no Facebook

Floating Widgets